Deputado do PSOL, denuncia discriminação no partido por ele ser Religioso e Militar



Deputado Cabo Daciolo do PSOL, foi suspenso do partido por defender a Moral, a família, Deus e os Militares. A que pontos chegamos, não tenho dúvidas que Plínio de Arruda estaria decepcionado de ver seu partido sendo deturpado por Luciana Genro e Jean Wyllys.

No vídeo abaixo podemos ver o Deputado, fazendo a denúncia publicamente, mostrando que no estatuto do partido a liberdade religiosa e de opinião deve ser respeitada, e que se ele está sendo suspenso por defender o Cristianismo, então Jean Wyllys o BBB, deveria também ser suspenso, pois está tentando aprovar uma leio onde seria obrigatório o ensino do Islamismo nas escolas.

Hoje o PSOL se tornou o partido que defende o preconceito contra a moral e a família, e contra os religiosos de bem. O ideal para o PSOL é ladrão, é homossexuais desfilarem na paulista se masturbando com crucifixos, é comunismo bolivariano, é a intolerância a tudo que é correto.

Realmente Deputado, sua suspensão foi uma benção, pois pessoas de bem não podem realmente estar no PSOL, pois mancha a imagem.

Vejam o vídeo completo:


Share on Google Plus

About Cabral Arrependido

This is a short description in the author block about the author. You edit it by entering text in the "Biographical Info" field in the user admin panel.